Boa Gestão Para Condomínios

Entenda a importância de uma boa gestão para condomínios

Uma boa gestão de condomínios é fundamental para o equilíbrio do condomínio e para garantir uma boa convivência com os moradores.

Você compreende a extensão dos processos que devem ser realizados pelo síndico e pela administração de condomínios, por exemplo?

Algumas coisas podem ser definidas pela gestão do condomínio, a fim de garantir que tudo fique esclarecido e que a informação seja facilmente obtida pelos moradores. Um exemplo disso é a dúvida recorrente: “o condomínio deve se responsabilizar por furtos e roubos?”

Uma boa gestão de condomínio esclarece esse tipo de dúvida através da convenção. Se não houver qualquer informação oficial por parte do condomínio em relação a roubos, o condomínio não deve ser responsabilizado.

Se os moradores já possuem conhecimento sobre essa regra e estão alinhados com a administração do condomínio, não haverá dúvidas e a comunicação fica mais fácil.

Entretanto, é possível prevenir esse tipo de acontecimento através da contratação de segurança especializada e da implantação de câmeras de vigilância, por exemplo.

Uma das coisas que mais separa a boa gestão da ruim é a comunicação. Se a comunicação acontece de forma natural e todos trabalham em prol do bem-estar, tenha certeza que os moradores irão se sentir satisfeitos com a forma com a qual o condomínio está sendo gerido. E isso inclui todo e qualquer funcionário contratado para cuidar do ambiente.

O IMPACTO DE UMA BOA GESTÃO NAS FINANÇAS DO CONDOMÍNIO

A importância de uma boa gestão do condomínio vai além do que tange a comunicação e o bem-estar, alcançando também a lucratividade da empresa que administra condomínios.

Isso porque um condomínio cuja administração possui boas relações com os moradores é capaz de obter o pagamento em dia dos moradores com maior frequência, reduzindo os riscos de inadimplência e podendo negociar mais formas de pagamento, caso seja possível e necessário.

Sobre essa parte, é importante conscientizar os condôminos da importância de pagar as contas em dia e ser completamente transparente em relação aos valores, detalhando quanto vai para onde – ou, em outras palavras, como esse dinheiro é aplicado.

A boa gestão do condomínio não se limita apenas aos moradores, mas também envolve a administração de recursos como energia elétrica e água, por exemplo.

Quando o gestor é realmente eficiente, ele estudará formas para reduzir o consumo de energia e de água de uma maneira realmente eficaz. E isso também diz respeito à forma como os recursos financeiros são geridos.

É importante possuir um bom planejamento tributário e financeiro, sabendo exatamente quais impostos devem ser pagos e garantindo o equilíbrio das finanças. Nessa parte, o contador é uma das peças-chave.

Entender a importância de delegar as tarefas contábeis faz parte de uma boa gestão de condomínios. O contador é muito mais que somente alguém que irá cuidar das contas do condomínio. É através dos dados que ele fornecerá que você, como administrador, poderá tomar decisões de forma estratégica, reduzindo os riscos e aumentando a lucratividade dos projetos dentro do seu condomínio.

Entretanto, não são poucos os gestores de condomínios a ignorar a função do profissional contábil. E isso é um erro bastante grave.

Que tal não repetir os erros da maioria das empresas administradoras e realizar uma boa gestão para condomínios?

Com as dicas que você aprendeu hoje, é possível! Aplique os novos conhecimentos e observe as melhorias.

Se você ainda possui dúvidas, não deixe de contatar a Temaví. Será um prazer ajudá-lo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *